Revell
Product ID: 1997
Product SKU: 1997
Boeing B-17F ´Memphis Belle´ - 1/48 - Revell 04297

Boeing B-17F ´Memphis Belle´ - 1/48 - Revell 04297

Estoque: 0 Marca: Revell Referência: 04297


Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível

Kit para montar fabricado na Polônia pela Revell na escala 1/48. Não contém o material para montagem (cola, massa putty e tinta). Imagens e fotos meramente ilustrativas. Aparência e características do produto dependem de como ele é montado.

Opções de decalque:
- B-17F-10-BO Flying Fortress "Memphis Belle", uf 324th Bomb Squadron, 91st Bomb Group, Bassingbourn, U.K., May 1943;
B-17F-10-BO Flying Fortress of 423rd Bomb Squadron, 306th Bomb Group at Thurleigh, U.K., Spring 1943.

Detalhes do kit:
Kit com detalhes estruturais na superfície, cockpit com painel de instrumentos, local das bombas e assentos, torre MG rotativa, torre de bola móvel MG sob a fuselagem, MGs montados em janelas laterais, trem de pouso detalhado, hélices móveis e duas bombas em pilones externos.


Durante a Segunda Guerra Mundial, o Boeing B-17 tornou-se sinônimo de bombardeiro estratégico fortemente armado. O B-17F foi o primeiro Flying Fortress (Fortaleza Voadora) fabricado usando técnicas de produção em massa. O avião mais famoso desta série foi o B-17F entregue no dia 15 de julho de 1942 e incorporado pelo 324th Bomber Squadron, na Inglaterra. Sua tripulação o apelidou de "Memphis Belle", namorada de seu piloto, o tenente Robert K. Morgan. A aeronave tornou-se famosa por ser oficialmente reconhecida como o primeiro bombardeiro do U.S. Army Air Force (Força Aérea do Exército dos Estados Unidos) a sobrevier a 25 missões na Europa e, posteriormente, tornou-se a estrela de um documentário em 1944 e de um filme feito em Hollywood em 1990, chamado "Memphis Belle: A Fortaleza Voadora". Após as missões, Memphis Belle e sua tripulação voltaram para os estados Unidos. Mais tarde, a aeronave foi comprada pela cidade de Memphis e usada como um Open Air Memorial. Ao todo, 12.677 B-17 foram construídos entre 1936 e 1945. O Brasil foi o último país a tirar os aparelhos de operação, em 1968. A FAB (Força Aérea Brasileira) operou 13 B-17 a partir de 1951, mas, curiosamente, nenhum como bombardeiro, apenas em missões de reconhecimento, busca e salvamento e transporte.

Número de peças: 107
Idade mínima: 14 anos
Comprimento: 39,4 cm
Envergadura: 65,6 cm
Cores de referência: 9, 39, 42, 45, 76 e 360 

Nível: 5

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


    Confira também